sábado, 24 de abril de 2010

Canção do Mar - Vanessa Grant

Canção do Mar
STRAY LADY

Intrigado, William observava a mulher adormecida. Como pudera acabar ali, vítima de um naufrágio numa região desolada e selvagem? Seus traços traíam inquietação, um temperamento difícil, talvez. No entanto parecia civilizada demais para lançar-se sozinha aos perigos do alto-mar. Tocou as faces macias numa leve carícia. Ela era linda, e o mar a trouxera para seus braços… Mas não podia sonhar. Havia uma grossa aliança de ouro na mão esquerda. Ela pertencia a outro homem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails